À medida da sua necessidade,
        do seu espaço e do seu tempo

Área Cliente

Os Celtas achavam que a Borragem dava coragem pois devido aos seus componentes produz no corpo uma sensação hilariante, levantando a moral e ajudando a combater depressões. No entanto só é eficaz enquanto fresca pois seca perde a maioria das suas propriedades.
 
Na culinária a folha da Borragem é muito utilizada em dietas sem sal devido à sua riqueza em cálcio e outros sais minerais. As folhas jovens podem ser utilizadas em sopas, saladas e com queijos frescos e têm um sabor semelhante ao sabor do pepino, no entanto, não devem ser consumidas em grandes quantidades, pois contêm ácido oxálico e pequenas quantidades de alcaloides tóxicos. As folhas podem ser panadas com ovo e farinha e depois fritas. As folhas de Borragem podem também ser cozinhadas como os espinafres: fervidas em água com sal e depois temperadas com azeite, são indicadas para pessoas delicadas, doentes e convalescentes. 
 
Na horta, a Borragem pode ser semeada muito facilmente, sendo especialmente indicada para estar junto aos morangueiros, pois estas duas plantas estimulam-se mutuamente. As suas flores atraem bastantes abelhas, sendo excelentes para atrair estas fabulosas polinizadoras.
 
Deve ser cultivada em clima ameno ou frio, com temperaturas entre 4°C e 25°C, sendo uma planta resistente a geadas e baixas temperaturas.
 
A borragem é propagada por sementes, que devem ser semeadas de preferência no local definitivo, pois geralmente não suporta bem o transplante. Deve ser semeada a uma profundidade de 1 cm e a germinação ocorre em aproximadamente 1 semana.

O espaçamento entre as plantas pode ser de 20 a 50 cm, ou mais se o solo for bastante fértil e menos se o solo for mais pobre. É uma planta que pode ser cultivada facilmente em vasos e jardineiras, decorando os espaços com as suas folhas e flores tão decorativas.