À medida da sua necessidade,
        do seu espaço e do seu tempo

Área Cliente
Muitas pessoas pensam que na compostagem apenas podem colocar restos orgânicos da horta e da cozinha. No entanto, poucos pensam que as borras de café podem ser usadas como material de compostagem. As borras de café são um excelente complemento para a pilha de compostagem, bem como os filtros utilizados se forem de fibras naturais (a maioria é de papel ou de algodão), que também podem ser incluídos no composto. Para quem usa cápsulas, retire as borras da cápsula, coloque a cápsula vazia na reciclagem e deite a borra de café no composto. Uma solução fácil e limpa que pode salvar muitas toneladas de resíduos de aterro anualmente.

Benefícios das Borras de café para o solo

O elevado teor de azoto das borras é um dos maiores benefícios para o composto e solo. Depois de preparado o café, a borra de café pode ter PH ácido para se tornar quase pH neutro (geralmente 6,5-6,8). Isto é porque o ácido é transmitido para o café, dando-lhe a sua característica de sabor amargo.

Compostagem das Borras de café

Existem duas formas principais de usar as borras de café como composto. Em ambos os casos, a esta deve ser sempre primeiro compostada, uma vez que a relação N/C é de cerca de 20: 1 nas borras frescas, não compostadas.

A primeira forma é simplesmente adicioná-lo como correção do solo diretamente, espalhando as borras no chão e cobrindo-as com uma cobertura leve. Pode ser feito no Outono e Inverno após a colheita, a fim de permitir que o café composte e se degrade, para o solo. Pode também ser feito no início da Primavera, duas ou três semanas antes da sementeira.

Na pilha de compostagem ou no compostor, as borras podem ser adicionadas até perfazer 25% do volume total da pilha. As borras no compostor, por causa do teor de azoto que é facilmente libertado, originam reações bacterianas que vão gerar calor e gases benéficos, sendo natural verificar que a pinha de composto aquece e liberta calor.

Vermicompostagem com borras de café

As minhocas adoram café, provavelmente por razões semelhantes às nossas. O café é relacionado com o grão de cacau e contém muitos dos mesmos nutrientes, a maioria dos quais não são lixiviados na bebida que se bebe, o que significa que se mantêm na borra. Na vermicompostagem, não se esqueça de adicionar bastantes materiais, não ultrapassando os 25% de borras para o restante material. As borras podem acidificar o vermicomposto, não criando assim o ambiente que as minhocas necessitam para viver.